/O programa Fantáscio denunciou a fraude da escolha dos melhores prefeitos

O programa Fantáscio denunciou a fraude da escolha dos melhores prefeitos

Uma reportagem do programa Fantástico da Rede Globo de Televisão mostrou neste domingo (05/08) uma fraude no processo de escolha dos gestores nota 10. O caso foi tão escandaloso que a reportagem do programa chegou a comprar uma medalha e um diploma para um jumento, chamado de “Precioso”,  demonstrando que o comércio de compra desses prêmios não passa de uma fraude, em que não existe critérios e os gestores são escolhidos simplesmente pelo pagamento da premiação com dinheiro público e sem nenhuma participação efetiva da sociedade. 

O comércio ilegal de venda de diplomas de mérito para vereadores, prefeitos e secretários municipais foi denunciado pelo repórter Giovani Grizzotti da RBS-TV,  e será investigado pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul. Políticos gaúchos são suspeitos de usarem recursos públicos para conquistar as premiações. As empresas que fornecem os prêmios são a União Brasileira de Divulgação, ou UBD, de Pernambuco, e o Instituto Tiradentes, de Minas Gerais. Juntas, as duas instituições promovem até 20 premiações por ano.

Para mostrar a falta de critérios na hora de conceder esse tipo de premiação, a reportagem conseguiu negociar a compra de um diploma para um jumento – o jumento Precioso.  O prêmio de melhor gestor para o jumento “Precioso” custou R$ 1.480. O volume de recursos públicos envolvidos nessa premiação é ainda maior em virtude dos gastos com diárias de gestores e auxiliares que sempre comparecem a festa de premiação.

Deixe Sua Mensagem