/NOVA RUSSAS: JÁ ESTÁ PASSANDO DA HORA DE RESOLVER O PROBLEMA DAS AMBULÂNCIAS. POR REGINALDO SILVA

NOVA RUSSAS: JÁ ESTÁ PASSANDO DA HORA DE RESOLVER O PROBLEMA DAS AMBULÂNCIAS. POR REGINALDO SILVA

Não é de hoje que ambulância vira notícia em Nova Russas. Já tivemos episódios de ambulância transportando mercadorias,  transportando portas e de andarem amarradas com cordas ou ligas de baladeiras. Obviamente que os fatos narrados não foram registrados na gestão atual e que podem ser comprovados pelas imagens no final desta matéria.

O descaso na área da saúde é tão grande em Nova Russas que o cidadão sempre buscou na figura de um médico um gestor ideal a fim de solucionar os problemas da cidade. Muitas destas negligências com as ambulâncias, geralmente surgiam em fins de governo, onde o gestor já havia sido despachado pela população pela inércia e falta de capacidade e resolutividade dos problemas.

Outro incidente que viralizou nas redes sociais envolvendo ambulância em Nova Russas, foi um vídeo publicado na página da Fabiola Freitas, irmã da Bella Freitas. Esta última viajava para Fortaleza onde faz  tratamento de dois filhos pequenos. Fabiola afirma que sua irmã conseguiu junto a justiça a autorização do transporte público. O motivo de sua indignação parte do descaso em que sua irmã e uma senhora de 72 anos, conhecida como Francisca Marques foram colocadas em uma única ambulância, totalizando 7 pessoas e mais o motorista.

Além do claro desrespeito ao Estatuto do Idoso, Lei 10741, em seu Art. 3º, § 1º, I, que determina absoluta prioridade de atendimento ao idoso.

Uma ambulância, de acordo com a Resolução do Conselho Federal de Medicina, deve assegurar a integridade do paciente que deve ser encaminhado por uma equipe médica e recepcionado por outra, dessa forma,  “a lotação” de pacientes registradas no vídeo postado nas redes sociais vai contra todos os princípios legais.

Assim, solicitamos da atual gestão, que seja efetuado cortes de gastos em outros setores que não seja a saúde pública. Como sugestão podemos economizar nas diárias, na contratação de funcionários temporários de aliados políticos vindos de última hora e em qualquer outra área secundária da gestão, contudo, que a saúde seja tratada com respeito e prioridade máxima, principalmente por aqueles que mais necessitam dos serviços públicos de saúde, os menos favorecidos.

Muitos cidadãos e cidadãs de Nova Russas sempre sonharam em ter um prefeito médico na cidade, objetivando solucionar os problemas de saúde do município, tornando-se ao longo dos anos num verdadeiro calcanhar de Aquiles. Todavia, fica a experiência de que nem sempre um bom médico, pode ser um bom gestor!

As duas pacientes devem retornar a Fortaleza para dar continuidade a seus tratamentos em breve, esperamos que da próxima vez, seus direitos sejam respeitados.

 

 Resultado de imagem para IMAGEM DA ENTREGA DE AMBULANCIA EM NOVA RUSSASResultado de imagem para IMAGEM DA ENTREGA DE AMBULANCIA EM NOVA RUSSASResultado de imagem para IMAGEM DA ENTREGA DE AMBULANCIA EM NOVA RUSSAS

 

Deixe Sua Mensagem