/A luta para não perder o foro privilegiado

A luta para não perder o foro privilegiado

O levantamento feito pelo Diário do Poder revela um grande número de detores de mandatos enrolados na Lava Jato. A grande briga é fugir das mãos de Sérgio Moro. Todos precisam se reeleger para manter o foro privilegiado e escapar da primeira instância. São 23 senadores e 60 deputados que respondem a processo e são investigados pela Polícia Federal. Eles não precisam deixar os cargos no Congresso para disputar a reeleição. Mas se não forem reeleitos, perderão de vez o foro privilegiado. 

Quem anda assutado com essa possibilidade são alguns dos figurões dos grandes partidos, como Renan Calheiros (MDB), os senadores petistas Gleisi (PR) e Lindbergh Farias, além de Áecio Neves que terá dif´cil missão de se eleger para não ter seus processos na mesa de Sérgio Moro.

Depois que Lula foi preso, pelas investigações da Lava Jato, os políticos envolvidos, tem fugido de Sérgio Moro, como o diabo foge da cruz.

 

Deixe Sua Mensagem